Notícias

Apabb RJ inaugura novo espaço com debate sobre diversidade

O I Encontro sobre Diversidade, Sexualidade e Deficiência, atividade construída após longos meses de planejamento e muitas parcerias, foi o evento escolhido para marcar a inauguração do novo espaço da Apabb RJ.

O encontro aconteceu no dia 12 de novembro e contou com um delicioso café da manhã, com direito a presença do presidente da Apabb, Douglas Carvalho, que enfatizou a característica vanguardista e inovadora da associação em suas ações e perspectivas, além de recepcionar os presentes e comemorar a iniciativa pela escolha do tema. 

Os delegados titulares do NR Sebastião Zacheu e Paulo Simões deram as boas-vindas e lembraram a brilhante trajetória da equipe técnica; já Lúcia Zacheu, a sempre colaboradora e ex-presidente da entidade, reiterou o apoio histórico do Banco do Brasil ao trabalho desenvolvido e exaltou a presença de Maria José Soares, uma das fundadoras do NR.
   
Cristiane da Conceição, supervisora administrativa do NR, não escondeu a enorme alegria vivenciada no momento e, deu voz a Ana Maria, que representou as famílias parceiras e usuárias dos projetos, e fez questão de enfatizar a identidade original da Apabb: uma organização criada e fortalecida a partir da atuação das famílias. Emocionada, Ana se lembrou dos inúmeros avanços constatados em sua filha Alessandra e nos colegas participantes das ações da instituição.

O afeto fez parte das doces e carinhosas palavras dirigidas por todos em reconhecimento ao trabalho que a equipe desenvolve. 

Dando seguimento ao evento, a assistente social Thamara Lopes, articuladora do encontro, abriu os trabalhos do dia, apresentando a consultora e mestranda em Comunicação pela UFF, mulher trans, Wescla Vasconcelos que, entusiasmada, destacou a importância de se debater a diversidade em todas as suas características sociais e históricas. 

A primeira mesa foi marcada por depoimentos de pessoas com deficiência abordando as suas experiências e processos de construção da sexualidade a partir dos inúmeros atravessamentos que reforçam o estigma, o preconceito e a invisibilidade.  E o quanto é necessário debater e estimular a representatividade para que haja a quebra de tabus e a proteção por meio do (re) conhecimento dos limites e violações.

No período da tarde, o evento contou com dois momentos interessantes: a troca de informações sobre os serviços dirigidos ao público LGBTQIA+ e os próprios usuários dos mesmos, além de um painel performático que, brilhantemente, abordou a infeliz realidade de violência que faz parte do cotidiano. 

Após tanta potência e fundamentais debates, a equipe observou a urgente necessidade da promoção de novas iniciativas que discutam em seus diversos territórios as demandas do público, sobretudo com deficiência. E trabalha para que estudos sejam conduzidos em direção a mensurar e sistematizar informações acerca das necessidades e realidades vividas por essa parcela da população para conseguir lutar com maior clareza na defesa e garantia de direitos. 

A Apabb agradece ao Banco do Brasil por proporcionar um local de qualidade para o desenvolvimento dos projetos, aos membros das mesas de debate Cinthya Freitas, à Wescla Vasconcelos, Daniel Gonçalves, Pedro Azevedo Fernandes, Rafaela Queiroz e Glaucia Tavares. Camilla Garcino da ONG Arco Íris, CEDS – Centro Especial da Diversidade Sexual do Rio, Programa Rio Sem Homofobia, Ana Paula de Castro da Comissão de Diversidade e Gênero da OAB, Caio Sousa da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB e Thalita Thomé do NUDIVERSIS - Núcleo De Defesa Dos Direitos Homoafetivos e Diversidade Sexual. Liã Piraporé, Wallace Arthur, Marcelo William, Weslei Rocha, Luana Rayalla e Dário Santana e demais presentes.

Veja fotos no Facebook

Curta a página da Apabb


Data de publicação: 20/11/2019